Páginas

Ocorreu um erro neste gadget

terça-feira, 4 de janeiro de 2011

Reflexão do dia!

"A raiva é uma energia que brota de dentro de nós quando somos magoados ou nos sentimentos frustados.Não existe nada de errado em sentir raiva, mas ela se torna um pecado quando permitimos que tome conta de nós e fuja do nosso controle, como aconteceu com Caim (Genesis 4.1-16) Há duas maneiras destrutivas e duas maneiras construtivas de lidar com a raiva.Em seu aspecto destrutivas e duas maneiras construtivas de lidar com o caso, voltamos toda nossa fúria reprimida contra alguém, despejando-a sobre essa pessoa sem nenhuma piedade.Já a implosão ocorre quando direcionamos nossa raiva para dentro de nós mesmos e a armazenamos.Com o tempo, nos tornamos pessoas deprimidas ou fisicamente enfermas.
 Como Homens integros, podemos lidar com a raiva de uma maneira sábia e construtiva, concentrando nossa energia no problema em si e usando a ira para buscar soluções criativas.Ou então podemos simplesmente encontrar formas de descarrega-las em algum ambiente privado, de modo que ninguém se magoe.Em ambos os tipos de abordagem, somos orientados a levar nossas mágoas, nossas frustrações e nossos ressentimentos á presença de Deus em nossas orações!
 O jeito de Caim lidar com a raiva foi permitir que ela o consumisse por inteiro, mas as escrituras nos leva a proceder de uma maneira bem melhor: "Quando vocês ficarem irados, não pequem.Apaziguem a sua ira antes que o sol se ponha..."

Nenhum comentário:

Postar um comentário